Search
Close this search box.

CRJ Colatina promove festa de Natal “Ação de Graças” em meio a desafios territoriais

Na última sexta-feira, 15 de dezembro, a equipe do Centro de Referência das Juventudes (CRJ) de Colatina, gerido pelo do Instituto Promover – IPHAC, celebrou sua a festa de Natal intitulada “Ação de Graças” com as juventudes.

Em um contexto marcado por conflitos territoriais, que impactam diretamente as atividades do CRJ Colatina, a equipe do projeto inovou com a realização do evento distribuindo mais de 50 ceias de Natal e doces aos jovens atendidos, evidenciando a resiliência da equipe em garantir que os atendidos pelo projeto se sintam acolhidos e mais do que isso, tenham seus direitos garantidos.

Segundo a coordenadora do CRJ, Karine Pacheco, “o evento vai além do aspecto festivo, enquanto mensalmente são atendidos mais de 300 jovens por meio de cursos profissionalizantes, oficinas, encaminhamentos para o mercado de trabalho, atendimento psicossocial… A festa de Natal se tornou uma oportunidade para proporcionar alegria e um sentido de comunidade às juventudes em meio aos desafios que enfrentam. A entrega das ceias de Natal não apenas alimenta os corpos, mas também nutre a esperança e a solidariedade em um momento tão significativo”.

A atuação do equipamento não se limita apenas ao âmbito profissional, oferecendo cursos e oficinas, mas se destaca por proporcionar oportunidades que vão ao encontro da garantia de direitos fundamentais, reconhecendo a importância de abordar as diversas dimensões de suas vidas, buscando promover o bem-estar psicossocial desses jovens e contribuir para a sua formação integral.

A comunidade testemunha um compromisso contínuo com a transformação social e o empoderamento dos jovens. A “Ação de Graças” não só celebrou o espírito natalino, mas também reafirmou a missão do CRJ Colatina e do IPHAC de construir um futuro mais promissor para as juventudes locais.

Com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o CRJ Colatina é fruto do trabalho da Secretaria de Estado de Direitos Humanos do Governo do Espírito Santo, em parceria com o Instituto Promover – IPHAC.

.

Compartilhe esse post:

você pode gostar...